Loading...

Logo você terá acesso ao site

 
  • Marcus Vinicius

Dicas para engajar em suas campanhas de marketing


Atualmente, tornou-se cada vez mais difícil manter a atenção do público, principalmente diante da quantidade de campanhas voltadas para o entretenimento. Dessa forma, hoje, entenderemos um pouco melhor como engajar em campanhas de marketing.


O avanço da tecnologia nos trouxe diversas facilidades que antes pareciam impossíveis, coisas como evitar de ir até a casa lotérica ou caixa eletrônico pagar uma conta, ou até mesmo, fazer comprar e vender produtos pela internet.


Se para situações e tarefas tão simples já era possível fazer um ótimo uso deste recurso, imagina o quão longe seria possível avançar? E é nisso que as empresas do mundo todo pensaram: formas de vender seus produtos pela internet de forma fácil e prática.


Mas seja sua empresa focada em oferecer serviços de usinagem ou qualquer outro ramo, é necessário se tornar atrativo tanto para os seus clientes quanto para aqueles que ainda não conhecem o seu trabalho, sendo essa uma tarefa bastante difícil.


E ainda mais difícil do que apenas criar a campanha, é fazer com que as pessoas comprem a ideia e engajem com o seu estilo, produto ou empresa. Esse é um desafio enorme, sendo que muitas empresas, mesmo as grandes, podem falhar no meio do processo.


Pensando nisso, este artigo tem como objetivo te dar algumas dicas de como criar campanhas de marketing atrativas o suficiente para que seus leads fiquem mais engajados com seus ideais, seja uma empresa de serviços ou uma clinica de fisioterapia Osasco.


Invista no Marketing de Conteúdo

Quando pensamos em engajamento, automaticamente nos vem à mente algumas formas de tentar ser mais importante para nossos leads, seja na hora da comunicação, ou no conteúdo apresentado ou na qualidade do que oferecemos ao mercado.


Saiba que todas as opções estão corretas, mas é muito mais interessante quando conseguimos desenvolver as três juntas, de forma que cresçam de forma uniforme e gradativa.


Evoluir uma mais do que a outra, embora ainda assim seja válido, pode enfraquecer os outros pilares. Ou seja, de nada adianta ter uma boa comunicação e apresentar um bom conteúdo se o seu produto peca no quesito qualidade.


Desde fornecedores de brindes corporativos até grandes empresas de tecnologia, é preciso fazer um marketing de conteúdo bom e eficaz e, para que isso aconteça, é necessário seguir alguns critérios muito bem estabelecidos no qual iremos comentar agora:

● Defina muito bem o seu público-alvo;

● Invista nos canais de comunicação;

● Descubra o tipo de comunicação ideal;

● Investir em metodologia de ver e agir.


Antes de mais nada, de forma simples e direta, caso você não saiba, marketing de conteúdo é uma estratégia focada em desenvolver um conteúdo de qualidade relacionado ao seu produto ou serviço como meio de chamar a atenção do público fidelizado e atrair um novo.


Mesmo que seu objetivo dentro da empresa seja oferecer umconsorcio contemplado para investimentos, ainda é necessário que as pessoas conheçam e entendam o que é seu trabalho, como ele funciona e porque precisam dele.


Como aumentar o engajamento?

Confira agora algumas dicas para que as pessoas comecem a se interessar pelo seu trabalho e comecem a aumentar o engajamento, bem como passem a te preferir diante de tantas outras empresas no mercado.


Entre os principais pontos, podemos citar:

01 - Conheça o seu público

Conhecer o seu público-alvo é a primeira grande dica que podemos te oferecer para produzir um conteúdo relevante, afinal, de nada adianta, por exemplo, criar conteúdo de tecnologia se seu público gosta de crochê.


A criação de uma persona para o seu tipo de público pode também te ajudar a diferenciar e entender um pouco melhor o perfil das pessoas, criando assim um atendimento mais humanizado e personalizado, distanciando-se da grande maioria das empresas.


Uma empresa de gestão empresarial, por exemplo, tem como o seu público alvo qualquer empresa que queira ajuda na gestão de alguns setores, mas você pode escolher abordar um ramo específico, caso essa seja sua vontade.


Embora a gestão seja parecida, gerir uma empresa focada em serviços logísticos e uma empresa focada em fabricar impressoras, são esferas totalmente diferentes de um mesmo ramo, portanto, saber focar seus esforços é essencial.


Após descobrir quem é o seu público alvo e compreendê-lo melhor, crie publicações em suas redes sociais e outros canais de comunicação que conversem com seus seguidores e entreguem a eles o tipo de conteúdo que desejam encontrar.


Se você é focado em serviços de contabilidade em geral, por exemplo, pode investir em conteúdo voltado para os maiores problemas enfrentados pelo ramo, dicas de como começar, por que utilizar esse tipo de serviço, entre muitas outras possibilidades.


02 - Utilize as redes sociais

Atualmente, as redes sociais são o epicentro de divulgação das empresas, pois todos as utilizam, seja por entretenimento ou por trabalho. E cada rede social tem alguma particularidade, aumentando o seu leque de conteúdo.


Por todo mundo estar conectado às redes, além de você conseguir extrair e entender o seu público com maestria, conforme abordado no tópico anterior, também é possível atendê-lo com mais facilidade e ter um feedback quase que instantâneo.


Escritório de contabilidade, vendedoras de aparelhos celulares ou vendedores de canecas personalizadas. Qualquer um desses negócios precisa conversar com seus clientes pelas redes sociais, criando maior intimidade e identidade com o público.


Uma boa alternativa é sincronizar todas as redes sociais, criando uma espécie de teia de influência, sempre conseguindo enviar seus leads e possíveis seguidores de uma rede para outra, mantendo a qualidade do material e se adequando ao perfil da rede social.


Por fim, utilize o feedback e pergunte quais tipos de conteúdo seus seguidores querem ver e, caso consiga manter a constância de material em suas redes, abra um canal no YouTube explicando as dúvidas principais, chamando convidados e fazendo entrevistas.


03 - Crie boas estratégias de link building

Seja uma empresa de limpeza terceirizada, tecnologia ou qualquer outro ramo, estratégias que visam uma publicidade saudável são essenciais para o seu comércio, e uma delas é a boa gestão do link building de seu negócio.


A estratégia consiste em nada mais nada menos do que criar links de qualidade e relevância para melhorar seu ranqueamento perante os mecanismos de pesquisa, como Google e Bing.


Tal prática visa parcerias e links de qualidade seja no seu site, página em rede social ou até mesmo blogs, aumentando o alcance e a confiança dos clientes já fidelizados e, principalmente, dos possíveis novos leads.


O ranqueamento serve principalmente para tentar trazer esses meios de comunicação mais próximos à primeira página dos mecanismos de busca, visto que muitos não procuram lojas além da primeira página. No máximo, vão até a segunda.


Para tal, é necessário introduzir links relevantes e de qualidade para alavancar a autoridade do seu site, porém, tenha atenção ao tipo de link que é disponibilizado. Qualidade é diferente de quantidade; é melhor ter poucos links bons, do que diversos ruins.


04 - Faça boas parcerias

Por fim, mas não menos importante, fazer boas parcerias com outras empresas que tenham relação com o seu negócio ou com alguns influenciadores, pode ser jogada que faltava para impulsionar suas campanhas de marketing em prol do seu comércio.


Primeiramente, por causa do público. Parcerias com outras empresas que pensam e agem parecido com a sua visão de negócio podem atrair o público dela, fazendo com que comecem a respeitar e conhecer melhor os seus produtos e serviços.


A mesma coisa pode acontecer com influenciadores, pois eles serão parcialmente responsáveis por trazer um novo público para o seu negócio, público este que pode ser tão engajado ou até mais do que o seu, aumentando o seu alcance e relevância.


Normalmente demora um certo período para encontrar influenciadores que tenham relação com o seu produto ou que ao menos consigam trazer um público relacionado ao seu negócio, mas, quando encontrar, não perca essa oportunidade e invista.


Tome cuidado com qual influenciador você fará parceria. Muitos podem não ter exatamente a influência que você pensa ou precisa e podem acabar causando o efeito colateral, prejudicando o crescimento do seu negócio.


Com empresas é necessário o mesmo cuidado para não fazer parcerias caso vendam e ofereçam o mesmo produto ou parecido. Empresas concorrentes podem acabar por chamar mais atenção que você, fazendo com que perca o público.


Conclusão

Espero que essas dicas e orientações tenham te ajudado a pensar em uma melhor forma de engajamento em suas campanhas de marketing. Adapte-se para a realidade de sua empresa e seja criativo durante a aplicação das ideias!

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

1 visualização