Loading...

Logo você terá acesso ao site

  • Marcus Vinicius Souza de oliveira

Como tornar seu home office mais produtivo


Como tornar seu home office mais produtivo

As medidas de isolamento social para a contenção da Covid-19 exigiram que as empresas adaptassem a sua rotina para o trabalho home office, uma modalidade que permitiu a continuidade das atividades e a preservação da saúde dos colaboradores.


No entanto, o home office não é uma novidade nas relações de trabalho. Desde 2017, esta modalidade consta como parte da prestação de serviços e está prevista na CLT (Consolidação das Leis Trabalhistas), segundo a Lei no 13.467, em seu artigo 75.

Como medida emergencial diante da pandemia, o Governo Federal flexibilizou a adoção do sistema de home office com a MP 927/2020, para que as empresas pudessem adotar o teletrabalho, sem prejuízos nos contratos dos empregados.

Por se tratar de uma medida de caráter emergencial, a recomendação para os gestores e empregadores em caso de dúvidas é procurar por uma consultoria trabalhista para empresas, como forma de adotar o regime dentro das legalidades previstas.

Embora o home office fosse conhecido por muitas pessoas e uma novidade para outros, a implementação de uma rotina de trabalho em casa não é feita do dia para a noite.

Uma grande parcela da população se viu dividida entre o ambiente profissional e o pessoal, o que pode prejudicar a produtividade.

Além do mais, é preciso considerar vários fatores, como a falta de organização, a indisponibilidade de um espaço próprio para o trabalho, a internet mais lenta para a realização das atividades, entre outros problemas.

O artigo de hoje vai mostrar como tornar seu home office mais produtivo e melhorar o equilíbrio entre a sua vida profissional e pessoal. Acompanhe a leitura!

4 dicas para um home office produtivo

Uma das principais preocupações dos empregadores com o regime de trabalho remoto é a garantia das operações em casa, isto é, sem colocar em risco a execução das atividades e assegurar a qualidade dos serviços prestados.

O primeiro passo é contar com o auxílio das tecnologias digitais, que podem ajudar na organização das tarefas remotamente.

Procurar por boas empresas fornecedoras de ERP e sistemas de gestão, por exemplo, pode ser uma forma de melhorar a dinâmica home office, principalmente para os negócios que estão descobrindo a modalidade agora.

Porém, para os colaboradores que não estavam acostumados com essa rotina, o home office pode ser bastante desafiador, ainda mais em termos de produtividade.

A seguir, separamos algumas dicas para um home office mais produtivo. Confira!

1 - Estabeleça uma rotina e horários

É muito importante estabelecer um horário para trabalhar. Caso o colaborador seja contratado por uma empresa que não dispõe da flexibilidade, é fundamental cumprir corretamente o cronograma - inclusive, há ferramentas digitais capazes de registrar ponto mesmo em home office.

Por exemplo, uma empresa de paisagismo pode exigir o trabalho em horário comercial. Portanto, o colaborador deve realizar suas atividades e estabelecer uma rotina dentro dessa exigência, para não comprometer e causar prejuízos ao negócio.

Mas caso tenha a oportunidade de flexibilização, a rotina é fundamental para que o trabalho seja cumprido corretamente, além de ser uma maneira de equilibrar a vida pessoal e a profissional.

2 - Escolha um ambiente agradável em casa

A maioria das pessoas não conseguem se concentrar em qualquer ambiente, especialmente em casa, onde estamos sujeitos às várias distrações, como as atividades domésticas, aparelhos de televisão, redes sociais, entre outros.

Por esse motivo, é importante escolher um ambiente próprio para execução das tarefas em home office, que ofereça conforto e funcionalidade ao mesmo tempo.

As pessoas que dispõem de um escritório em casa podem aprimorar a ergonomia do local, com a compra de uma cadeira Charles Eames escritório, por exemplo. Ou então, a organização de artigos para melhor concentração e praticidade durante o trabalho.

Claro que, a presença do escritório em casa facilita muito o home office. Mas, sabemos que essa não é a realidade de todos e, muitas vezes, os colaboradores têm que adaptar um cômodo, como quartos, salas e outras áreas.

Uma dica é buscar por referências em sites de arquitetura e design de interiores, que vão te ajudar a organizar melhor o espaço.

Mas se a intenção é ter um local próprio para o home office, a alternativa é contratar um escritório de projetos de engenharia civil e arquitetura para ajudar no planejamento.

3 - Faça uma lista com as tarefas do dia

A agenda é a companheira perfeita para o home office. Com ela, é possível listar todas as tarefas do dia, algo que facilita a visualização de todas as atividades e dá uma dimensão de quanto trabalho precisa ser feito.

Claro que se o colaborador é contratado por uma empresa específica, ele terá uma série de atividades para desempenhar durante o dia. Por exemplo, empresas de tradução costumam enviar uma quantidade de artigos, com prazo de entrega.

Mesmo assim, vale a pena listar as tarefas, para não ter um descontrole do deadline e prejudicar a sua produtividade.

4 - Faça pequenas pausas

A falta de concentração é, muitas vezes, desencadeada pelo excesso de atividades durante o dia e pela grande quantidade de trabalho acumulado no home office. Quando isso acontecer, levante um pouco do computador e faça uma pausa.

Oriente-se para que o descanso não dure mais do que meia hora, pois a pausa também pode ser uma distração e prejudicar a realização das tarefas do dia.


A importância do lazer no home office

O home office é uma modalidade de trabalho muito vantajosa, visto que não há necessidade de deslocamento até a empresa e, além disso, temos a oportunidade de executar atividades dentro de casa, dispondo do conforto e de horários flexíveis.

Por outro lado, o home office também pode se tornar um empecilho para o equilíbrio entre a vida profissional e pessoal, ainda mais para as pessoas que não estão acostumadas com a modalidade do teletrabalho.

Daí a importância de também separar alguns momentos para o lazer, já que o entretenimento e o descanso são fundamentais para a produtividade em casa.

A dica é procurar atividades fora do expediente que sejam prazerosas, como:

● A leitura de um livro;

● A realização de exercícios físicos;

● O estudo de uma nova língua;

● O cuidado com o jardim;

● Entre outros.

O isolamento social e o home office são ótimas oportunidades para descobrir novos conhecimentos. Por exemplo, fazer um curso de técnico em eletrotécnica EAD, já que a internet disponibiliza uma série de aprendizados totalmente online.

Mas o lazer é algo muito pessoal. Algumas pessoas gostam de descansar, aproveitar o tempo livre para assistir uma série, um filme, ou simplesmente não fazer nada. Tudo isso é muito pessoal e a recomendação é fazer realmente aquilo que dê prazer.


O futuro do home office no pós-pandemia

A pandemia do novo coronavírus e as medidas de isolamento social permanecem desde o mês de março de 2020.

Embora algumas cidades e Estados tenham flexibilizado a quarentena, por conta da redução do contágio e disponibilidade de leitos, o futuro ainda é muito incerto.

Fora isso, a crise financeira e econômica gerada pela Covid-19 é um verdadeiro obstáculo para os empreendimentos.

Por conta disso, negócios dos mais diversos setores, como empresas de consultoria ambiental, escritórios, lojas, entre outras, vão permanecer em home office, já que a modalidade também ajuda na redução de custos.

De acordo com uma pesquisa realizada por uma companhia de recrutamento, 86% dos participantes afirmam querer continuar o trabalho de forma remota, mesmo com o fim das restrições do isolamento.

Além disso, 53% dos participantes ainda demonstraram preocupação com o contágio devido à aproximação com colegas.

Ou seja, o home office pode vir a se tornar uma alternativa viável, mesmo no pós-pandemia. Por conta disso, investir em escritórios, modificação de espaços e alinhar a produtividade em casa se tornaram alguns dos objetivos mais almejados pelo profissional atual.


Conclusão

A Covid-19 massificou a modalidade do trabalho remoto no Brasil, tornando o home office uma realidade para grande parte das empresas.

No contexto de pandemia, é importante verificar os pontos positivos desse novo regime, que permitiu uma redução dos custos com o afastamento físico dos empregados no ambiente de trabalho, reduzindo os gastos com insumos, energia, entre outros.

Ao mesmo tempo, muitos funcionários puderam flexibilizar a sua rotina e se sentem mais seguros com o home office, já que não é preciso ter contato com outras pessoas presencialmente, o que reduz as chances de contágio.

Contudo, um dos grandes problemas do home office, ainda mais para pessoas que não estavam acostumados com a modalidade, é manter a produtividade em casa.

O artigo de hoje trouxe algumas dicas que podem te ajudar no exercício das atividades remotamente e, além disso, conciliar a vida profissional e pessoal. Afinal de contas, além do trabalho, o lazer em casa é fundamental para se manter produtivo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

2 visualizações
  • Facebook Umdesign
  • Instagram Umdesign
  • LinkedIn Marcus Vinicius
  • Pinterest Umdesign
  • Twitter Umdesign